O PROJETO
 


1- Introdução:

Após as descobertas de Mendel, no final do século XIX, estudos científicos relacionados à genética deram um grande salto. Hoje, fala-se em clonagem humana, alimentos transgênicos, melhoramento genético, terapia genética, animais e plantas geneticamente modificados que resistem a doenças.... A sociedade fica perdida com tantas informações e, muitas vezes, por não entender (ou não gostar) de biologia, não se interessa pelo assunto.

Noções básicas se fazem necessárias e, iniciando-se nas escolas primárias e ou no ensino médio, a população desenvolverá o senso crítico, para que se possa acompanhar os trabalhos científicos, saber o que estamos comendo, que doença podemos desenvolver e discernir seguramente as vantagens e os perigos desse grande salto da genética.

 

2- Objetivos:

Este trabalho visa que o aluno:

  • Se interesse pelas idéias científicas e pela Ciência como maneira de entender melhor o mundo que nos cerca;
  • Valorize e pondere as pesquisas científicas e seus avanços;
  • Compreenda as notícias de divulgação dos descobrimentos da genética;
  • Tenha uma postura crítica diante dos anúncios publicitários enganosos;
  • Preocupe-se com o seu bem estar e de toda a sociedade;
  • Perceba o mau uso de novos conhecimentos, que podem prejudicar a humanidade;
  • Perceba como as outras áreas de conhecimento podem interagir com a genética;
  • Analise os perigos éticos, políticos e sociais do mau uso deste conhecimento.
  • Reconheça algumas doenças genéticas e hereditárias.
  • Utilize os recursos que a tecnologia pode oferecer em intercâmbio de idéias e em tempo real.

 

3- Materiais:

  • Livro paradidático: Seqüenciaram o genoma humano... E agora? (PEREIRA, Lygia da Veiga. Seqüenciaram o genoma humano... E agora? São Paulo: moderna, 2001).
  • Cartolinas.
  • Revistas e jornais com notícias sobre o assunto.
  • Palitos de sorvete, barbante, cola, canudinhos de refrigerante, tinta guache (4 tipos de cores) ou giz de cêra.
  • VIA COMPUTADOR:
  • Pesquisa via internet –chat (com advogados, psicólogos e comunidade)
  • Internet - histórico da clonagem e transgênicos
  • Portal Educacional e Colégio Santa Cruz – home page.
  • Digitação segundo as normas da ABNT.
  • Construção de jornais.
  • Interação com outros estabelecimentos sobre o assunto.

 

4- Procedimento:

O trabalho envolverá várias fases, onde:

a) Cada aluno deverá ler o livro paradidático.

b) Em equipes, os alunos montarão cartazes sobre variados assuntos, como clonagem humana, alimentos transgênicos, plantas geneticamente modificadas, genoma...

c) Coletarão dados sobre as vantagens e as desvantagens dos trabalhos genéticos, problemas éticos e religiosos, via internet, jornais, revistas.

d) Entrevistarão via internet, advogados, juízes, padres, psicólogos, médicos, para se inteirarem das informações e opiniões nas diferentes áreas.

e) Numa apresentação de Júri Tribunal, mostrarão como as autoridades, amparadas por leis, estão preparadas para lidar com o assunto.

f) Informarão à comunidade o que é uma clonagem terapêutica, clonagem humana e transgênicos, numa apresentação na Feira de Ciências.

g) Coletarão informações e opiniões dos visitantes, sobre o assunto.

h) Confeccionarão jornais, onde poderão manifestar suas opiniões.

i) Discutirão clonagem com alunos de outras comunidades.

 

5- Cronograma:

Fevereiro a junho: ler o livro paradidático; pesquisar dados e notícias em jornais e revistas (ir recortando e guardando), montar cartazes, montar molécula de DNA, escolher e ensaiar a dramatização; coletar informações, para apresentação do trabalho.

Junho a setembro: Escrever e entregar o trabalho bimestral com as normas da ABNT, conforme o informativo. Apresentar o teatro (Tribunal) e o trabalho na Feira de Ciências.

 

6- Avaliação:

O aluno será avaliado individualmente e em equipe:

  • Individualmente: oralidade (nos debates, dramatização, perguntas e respostas em sala) e no trabalho bimestral. Portanto, nesta parte serão 20 pontos.
  • Em equipe: responsabilidade, capricho, participação, interesse, CASC (Capacidade de Análise, Síntese e Crítica) e AC (Autonomia e Criatividade). Nesta etapa serão atribuídos 10 pontos.


7- Observações Gerais:

O livro paradidático deverá ser adquirido na portaria do colégio, com preço aproximado de 11,50 ou nas bancas por 14,50, até o final do mês de fevereiro.

O mesmo trabalho será avaliado o ano todo, em biologia, em várias situações: Apresentação dos cartazes, desenvoltura nos debates, no tribunal, Feira de Ciências e laboratório.

 

8- Bibliografia:

  • PEREIRA, Lygia da Veiga. Seqüenciaram o genoma humano.... E agora? ed. Moderna, 2001
  • www.educacional.com.br
  • SOARES, José Luis. Biologia no terceiro milênio, v.1 e v.2; S. Paulo; Scipione. 1999.

 
Maringá, fevereiro de 2002.
Projeto para 2002 - Colégio Santa Cruz

Disciplina: Biologia (1º e 3º ano Ensino Médio)
Professora: Elisabete Castilho Coutinho