Os imigrantes poloneses concentraram-se principalmente na Região Sul do Brasil, para onde foram a convite do governo brasileiro, que desejava ocupar essa região e ainda criar os chamados cinturões verdes em torno das cidades, garantindo, assim, o abastecimento agrícola. A Polônia, que era constantemente invadida desde o fim do século XVIII pela Rússia, Áustria e Prússia, teve sua economia prejudicada com a concorrência dos cereais que vinham dos EUA e Canadá. Isso fez com que mais de 3,6 milhões de poloneses migrassem para outros países, e aproximadamente 100 mil deles viessem para o Brasil, em especial ao Paraná.