1. Central de Atualidades
  2. Reportagens
  3. Mulheres vão à luta




Trabalho

  • As mulheres representam pelo menos um terço da força de trabalho no mundo, exceto no norte da África e na Ásia oriental.

  • O auto-emprego, o emprego em tempo parcial e o emprego doméstico expandiram as oportunidades femininas, ainda que representem mais insegurança, menos benefícios e menor remuneração. O setor informal é maior fonte de emprego para mulheres do que para homens.

  • As mulheres, especialmente as jovens, são mais suscetíveis ao desemprego e passam mais tempo desempregadas que os homens.

  • As mulheres permanecem segregadas no mercado de trabalho: são mais mal pagas e concentram-se em ocupações de pouca ou nenhuma autoridade.




 
As Mulheres do Mundo 2000: Tendências e Estatísticas é um relatório da ONU que observa a situação da mulher pela análise de dados recolhidos em todo o mundo e permite comparar o padrão de vida das mulheres nos cinco continentes e destacar a discrepância da condição feminina em relação à dos homens.